Não se nasce azul ou rosa, torna-se : cultura visual, gênero e infâncias

Código: 9786586481457
R$ 39,00
até 3x de R$ 13,00 sem juros
Comprar Estoque: 9 dias úteis
    • 1x de R$ 39,00 sem juros
    • 2x de R$ 19,50 sem juros
    • 3x de R$ 13,00 sem juros
    • 4x de R$ 10,44
    • 1x de R$ 39,00 sem juros
    • 2x de R$ 19,50 sem juros
    • 3x de R$ 14,10
    • 4x de R$ 10,75
    • 5x de R$ 8,73
    • 6x de R$ 7,38
    • 7x de R$ 6,41
  • R$ 39,00 Boleto Bancário
* Este prazo de entrega está considerando a disponibilidade do produto + prazo de entrega.
  • Editora:  Devires
  • AUTORE(S): João Paulo Baliscei
  • ISBN:  9786586481457
  • Edição:  1ª Edição
  • Formato:  14.00 x 21.00 cm
  • Páginas:  0

 

Se algo é pra menino, o azul é usado; se é pra menina, o rosa. E se ele usa azul e ela, rosa, sem questionar esse uso, é interpretado em um equívoco – porém que soa como um alívio – que ambos serão heterossexuais. Semelhantemente ocorre com sujeitos adultos: azul para homem, rosa para mulher. Assim, essas cores, diferentes das demais, desempenham espécies de feitiços masculinizante e feminilizante e operam para a manutenção do heteroterrorismo. Em Não se nasce azul ou rosa, torna-se: Cultura Visual, gênero e infâncias demonstro que a associações entre azul e masculinidade e rosa e feminilidade não são espontâneas e que, inclusive, são relativamente contemporâneas – tendo sido potencializadas, sobretudo, a partir do século XX. É, portanto, uma discussão que interessa pesquisadores/as, professores/as, estudantes, artistas, pais e mães e demais sujeitos que se incomodam com os modos pelos quais os gêneros e as infâncias de meninos e meninas têm sido visualmente controlados. Sobre o Autor Doutor em Educação (2018) pelo Programa de Pós-Graduação da Universidade Estadual de Maringá com estudos na Facultad de Bellas Artes/ Universitat de Barcelona, Espanha. É artista visual com produções que versam sobre gênero e infância. É professor no curso de Artes Visuais na Universidade Estadual de Maringá; Coordenador do Grupo de Pesquisa em Arte, Educação e Imagens - ARTEI. Desenvolve pesquisas sobre Educação, Arte/ Ensino de Arte; Estudos Culturais; Estudos da Cultura Visual; Visualidades; Gênero e Masculinidades. É autor dos livros: PROVOQUE: cultura visual, masculinidades e ensino de Artes Visuais (2020) e A vida de um Chuveirando (2021).

Produtos relacionados

R$ 39,00
até 3x de R$ 13,00 sem juros
Comprar Estoque: 9 dias úteis
Pague com
  • PagHiper
  • Mercado Pago
Selos

EDITORA DEVIRES - CNPJ: 26.877.292/0001-39 © Todos os direitos reservados. 2021